Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Educação
 
Filosofia da Educ e Ciências da Educ
 
Disciplina: EDF0298 - Psicologia da Educação, Desenvolvimento e Práticas Escolares
Educational Psychology, development and school practices

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 1
Carga Horária Total: 90 h ( Estágio: 30 h , Práticas como Componentes Curriculares = 20 h )
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2016 Desativação:

Objetivos
O curso objetiva discutir temáticas do cotidiano escolar relacionadas às práticas escolares, enfatizando o desenvolvimento, os processos cognitivos e afetivos do psiquismo humano, bem como as relações na escola.
Para tanto, abordar-se-á teorias psicológicas que articulam as práticas escolares aos processos de ensino, de aprendizagem e da organização da instituição escolar, respeitando as diferenças socioculturais e focando os aspectos relacionais, assim como a resolução de problemas e conflitos como eixos do trabalho docente.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
1465050 - Maria Izabel Galvão Gomes Pereira
2088562 - Silvia de Mattos Gasparian Colello
1793053 - Valeria Amorim Arantes de Araujo
 
Programa Resumido
A disciplina parte da análise das práticas escolares e recorre a elementos da psicologia que permitem enriquecer a compreensão sobre o sentido das condutas individuais e coletivas (intelectuais, afetivas e éticas) dos educandos e docentes. Situando essas práticas no contexto de universalização da escola básica, o curso problematiza as perspectivas do desenvolvimento, da aprendizagem e as relações interpessoais para a construção de uma escola capaz de dialogar com os apelos do nosso mundo.
 
 
 
Programa
- Modelos psicológicos, modelos de ensino e suas implicações educacionais;
- Psicologia, Educação e Cotidiano Escolar;
- A formação ética e as relações na escola;
- Práticas Escolares: A resolução de problemas e de conflitos;
- O papel do professor e as complexas relações escolares;
- A reorganização dos espaços, tempos e relações nas instituições escolares.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas expositivas, seminários, análise de textos e filmes, e trabalhos em classe.
Pesquisa de campo a ser realizada no estágio

- Provas ou trabalhos escritos;
- Seminários temáticos;
- Trabalhos vinculados à prática educacional (estágio).
Critério
Para serem aprovados na disciplina, os alunos deverão ter 70% de frequência, média dos trabalhos realizados igual ou superior a 5,0 e ter cumprido as 20 horas de estágio em campo (escolas ou instituições educativas).
Norma de Recuperação
Trabalhos ou provas
 
Bibliografia
     
ARANTES, V. A. (org) Afetividade na escola: alternativas teóricas e práticas. São Paulo: Summus, 2003.
ARANTES, V. A. (org). Inclusão escolar: pontos e contrapontos. São Paulo: Summus, 2006.
ARANTES, V.A. (org). Educação e Valores: Pontos e Contrapontos. São Paulo: Summus, 2007.
ARANTES, V. A. (org). Profissão docente: pontos e contrapontos. São Paulo: Summus, 2009.
ARAÚJO, U.F. Temas transversais e a estratégia de projetos. São Paulo: Moderna, 2003.
ARAÚJO, U. F. & SASTRE, G. Aprendizagem baseada em problemas no ensino superior. São Paulo: Summus, 2009.
COLELLO, S. A escola que (não) ensina a escrever. São Paulo: Summus, 2012.
COLELLO, Educação e Intervenção escolar. Revista Internacional D’Humanitats 4, www.hottopos.com
COLL, C. et al. Desenvolvimento psicológico e educação. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995.
COLL, C. et al. O construtivismo na sala de aula. São Paulo: Ática, 2006.
FERREIRO, E. Atualidade de Jean Piaget. Porto Alegre: Artmed, 2001.
ESTEVE, J. M. (2004). A terceira revolução educacional: A educação na sociedade do conhecimento. São Paulo: Moderna, 2004.
LA TAILLE, Y. et al. Piaget, Vygostsky e Wallon: teorias psicogenéticas em discussão. São Paulo: Summus, 1992.
LUDKE, M. & ANDRÉ, M. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. São Paulo: EPU, 1986. Macedo, L. Ensaios pedagógicos: como construir uma escola para todos? Porto Alegre: Artmed, 2004.
MORENO, M. et al. Conhecimento e mudança: Os Modelos Organizadores na construção do conhecimento. São Paulo: Moderna, 1999.
MORENO, M. et al. Falemos de sentimentos: A afetividade como tema transversal. São Paulo: Moderna, 2000.
OLIVEIRA, M. K. et al. (orgs). Psicologia, educação e as temáticas da vida contemporânea. São Paulo: Moderna, 2002.
PUIG, J.M. A construção da personalidade moral. São Paulo: Ática, 1998.
SASTRE, G. & MORENO Marimón, M. Resolução de conflitos e aprendizagem emocional. São Paulo: Moderna, 2002.
VASCONCELOS, S.. “O caminho cognitivo do conhecimento” In Wanjnsztejn et al Desenvolvimento cognitivo e a aprendizagem escolar. Curitiba: Editora Melo, 2010.
WEISZ, T. O diálogo entre o ensino e a aprendizagem. São Paulo: Ática, 2002.
 

Clique para consultar os requisitos para EDF0298

Clique para consultar o oferecimento para EDF0298

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP