Informações da Disciplina

 Preparar para impressão 
Júpiter - Sistema de Graduação

Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas
 
Antropologia
 
Disciplina: FLA0346 - Introdução à Etnologia Sul-americana
Introduction to South American Ethnology

Créditos Aula: 4
Créditos Trabalho: 0
Carga Horária Total: 60 h
Tipo: Semestral
Ativação: 01/01/2011 Desativação:

Objetivos
Introduzir os alunos de Ciências Sociais aos estudos dedicados às sociedades indígenas da América do sul. Oferecer um panorama da imensa diversidade cultural existente na região, a partir de algumas áreas etnográficas e, paralelamente, situar abordagens teóricas diferenciadas no estudo das sociedades indígenas do continente, possibilitando aos alunos um contato mais próximo com o manejo dos dados etnográficos.
 
 
 
Docente(s) Responsável(eis)
2796580 - Beatriz Perrone Moisés
87050 - Dominique Tilkin Gallois
2535081 - Marcio Ferreira da Silva
 
Programa Resumido
 
 
 
Programa
O curso inicia com uma apreciação das questões teóricas envolvidas na chamada “questão indígena”- direitos de minorias, identidade étnica, mudança cultural, política indigenista e políticas indígenas. Em seguida, tendo como fio condutor a própria história da pesquisa etnológica nas baixas terras da América do Sul, o curso aborda problemáticas específicas, relacionadas com sociedades indígenas estudadas em diferentes épocas e com variados interesses temáticos. Será, assim, discutido o desenvolvimento da reflexão teórica na disciplina, na medida em que a pesquisa em etnologia contribuiu e contribui com desafios e soluções teórico-metodológicas que se estenderam a outras especialidades da Antropologia.
 
 
 
Avaliação
     
Método
Aulas teóricas, leituras orientadas e grupos de discussão.
Critério
Quatro ensaios redigidos ao longo do semestre, enfocando uma ou mais unidades do programa; uma prova substitutiva sobre todo o programa.
Norma de Recuperação
Uma prova referente a todo o conteúdo do programa.
 
Bibliografia
     
Clastres, P. – “Do etnocídio” - in: “Arqueologia da violência”,Cosac e Naify, 2004 (81-92)
Viveiros de Castro, E.B. – O mármore e a murta: a inconstância da alma selvagem, in “A inconstância da alma selvagem” – Cosac e Naify, 2002 (183-264)
Araújo, A.V – Terras indígenas no Brasil – in: Terras Indígenas & Unidades de Conservação da Natureza, ISA, 2004 (26-36)
Taylor, A C. – O americanismo tropical, uma fronteira fossil da etnologia ? in: Histoires de l´Anthropologie, Paris, 1984 (Trad. Beatriz Perrone Moisés)

Unidade 2 – Estudos de contato, teorias e críticas
Ribeiro, D. – “Os índios e a civilização”, Vozes, 1982 (57-59 e 431-446)
Cardoso de Oliveira, R. – “Introdução: a noção de fricção interétnica” – in: “O índio e o mundo dos brancos”, DIFEL, 1964 (13-30)
Oliveira Jr., J. Pacheco – “Romantismo, negociação política ou aplicação da antropologia: perspectivas para as perícias sobre terras indígenas”- in: Ensaios em antropologia histórica”, UFRJ, 1999 (164-191).
Viveiros de Castro, E. – Antropologia. In: O que ler nas Ciências Sociais. Anpocs. 2000.

Unidade 3 - Tupi, estudos “clássicos”
Fernandes, F. – “A função social da guerra na sociedade Tupinambá”, Pioneira / Edusp, 1970 (317-373)
Métraux, A. – A antropofagia ritual dos Tupinambá – in “A religião dos Tupinambá”, Brasiliana, 1979 - Cap XI. (114-147)

Unidade 4 - By Jê out of Africa
Radcliffe Brown, A R. – “Sistemas africanos de parentesco e casamento, Introdução” – in: Melatti (org) Radcliffe Brown, São Paulo. Ática, p.127-132.
Crocker, J.C. – “Reciprocidade e hierarquia entre os Bororo orientais”- in: Schaden “Leituras de Etnologia Brasileira” Cia Ed. Nacional, 1976, p. 164-185.
Ladeira, M.E. – “Uma aldeia Timbira” in: Novaes, S. “Habitações indígenas, Nobel, 1983
Seeger, A - "Corporação e corporalidade: ideologia de concepção e descendência”- in: Seeger & Viveiros de Castro “Os índios e nós”, Ed.Campus, 1980, p.127-132.

Unidade 5 - Estruturas elementares da reciprocidade
Overing, J. – A estética da produção: o senso de comunidade entre os Cubeo e os Piaroa – Revista de Antropologia, vol. 34, 1991.
Descola, P.- Estrutura ou sentimento: a relação com o animal na Amazônia, Mana, vol. 4/1, 1998 (23-46).

Unidade 6 - Noção de pessoa e xamanismo
Seeger, Da Matta & Viveiros de Castro – “A construção da pessoa nas sociedades indígenas brasileiras” – in: Oliveira, J.P. “Sociedades indígenas e indigenismo no Brasil”, Marco Zero/UFRJ, 1987, p.11-30.
Viveiros de Castro, E.- 1996. “Os pronomes cosmológicos e o perspectivismo ameríndio”- Mana, vol.2/2 (114-144).
Sztutman, R. – Da ação xamânica – in: Gallois, D.T. (org) “Redes de relações nas Guianas”, Humanitas (2005) .

Unidade 7 - Mitologias
Levi Strauss, C. – Prefácio & A ideologia bipartida dos Ameríndios – in: “História de Lince”, Cia das Letras, 1993 (Cap.19).
(Vários autores) - Palavras indígenas: doze narrativas sobre a origem do mundo, a chegada dos brancos e os 55 anos, Povos Indígenas no Brasil, ISA,2001 (16-54).
Saez, O. C. - O Inca Pano: mito, história e modelos etnológicos - Mana, vol. 6/2 - 2000 (7-36).

Unidade 8 - Histórias indígenas
Carneiro da Cunha, M. - Introdução à história dos índios no Brasil – in: História dos Indios no Brasil, Cia das Letras, 1992
Albert, B. – O ouro canibal e a queda do céu (tradução), 1993.
 

Clique para consultar os requisitos para FLA0346

Clique para consultar o oferecimento para FLA0346

Créditos | Fale conosco
© 1999 - 2017 - Superintendência de Tecnologia da Informação/USP